A adaptação de um para o outro pode ser harmoniosa e prática. Saiba algumas maneiras de transitar entre o home office e o trabalho presencial com flexibilidade.


Trabalhar do escritório ou de casa? Para muitas pessoas, essa pode ser uma escolha simples por praticidade e flexibilidade. O formato de trabalho híbrido (o rodízio entre o presencial e remoto) se tornou comum em muitas ocupações e o novo ambiente de trabalho é onde produzimos com bem-estar e conforto. Entretanto, essa transição de volta ao escritório pode não ser tão simples como parece e gerar algumas confusões, como a divisão do tempo de trabalho e descanso, a vida profissional e pessoal, entre outras.

Nesse cenário, alguns hábitos e peças de apoio para o dia a dia podem facilitar o ir e vir entre os espaços: desde ferramentas de trabalho e organizadores de tarefas até um bom planejamento pessoal, é válido colocar algumas ações e novos costumes na ponta do lápis – e na mente.

Por isso, listamos algumas dicas e boas práticas para você se adaptar à tendência do trabalho híbrido e tornar seus dias mais tranquilos e produtivos onde estiver.

Dicas para quem varia entre trabalho presencial e remoto

Planeje o seu dia

Seja no escritório ou no home office, é essencial que você crie um planejamento de atividades para se organizar melhor. É comum que alguns imprevistos aconteçam e distrações acabem atrapalhando durante o dia, mas será esse escopo diário que vai te ajudar a manter o foco.

Por exemplo: quando estiver trabalhando em formato remoto, coloque em uma agenda os horários e atividades que precisa fazer no dia, desde a hora de acordar, tomar o café da manhã e iniciar o trabalho até finalizar o expediente. Insira também os afazeres domésticos que pretende pôr em prática durante o dia para não deixá-los de lado e acabar acumulando ao longo da semana.

Já no escritório, esse planejamento pode incluir pausas para beber água, se alongar e higienizar as mãos, que são pequenas ações que ajudam na produtividade e evitam cansaço dos olhos e do corpo no fim do dia.

Adapte suas atividades ao ambiente

Existem atividades que demandam maior grau de concentração, e você precisa ficar em silêncio, sem interrupções. Em outras, a colaboração da equipe é fundamental para o andamento de um projeto. Por isso, considere classificar suas entregas dessa forma para garantir maior produtividade, levando para o escritório as tarefas que precisam da participação de todos e deixando para o home office o que você pode fazer sozinho.

Cuide da sua saúde mental

É possível que o retorno gradual ao escritório possa gerar alguns transtornos de ansiedade e preocupação, principalmente após longos períodos trabalhando em casa. Muitos deles podem estar relacionados ao temor de aglomerações e contato com outras pessoas, mas você pode fazer algumas práticas para que seu bem-estar e saúde mental não sejam impactados.

A empresa deve fornecer um ambiente aberto, amplo e bem arejado para os funcionários, que devem manter as práticas de higiene das mãos e o uso de máscara se necessário. Além disso, manter uma rotina flexível e sempre aberta entre colaboradores e empresa ajuda no fluxo de trabalho e evita episódios de estresse e mal estar.

Comunique desafios e dificuldades à liderança

Em qualquer situação, a comunicação entre a equipe deve ser sempre clara e transparente. Essa é uma boa prática no trabalho híbrido, já que um novo fluxo de trabalho entra em vigor e a mudança será um impacto em todos. Por isso, sempre que tiver dificuldades ou desafios nessa transição, é importante comunicar à liderança, humanizando as relações de trabalho. 

Leia também:
5 tipos de escrivaninha para diferentes momentos
Conforto no trabalho: Como escolher cadeiras de escritório
Como ser produtivo trabalhando em home office

Reveja seus hábitos domésticos

A volta para o escritório não precisa ser caótica, mas representar apenas um novo processo gradual de adaptação a novos costumes. Nesse novo ciclo, repense os hábitos domésticos que você já se acostumou quando estava trabalhando apenas em casa e considere remanejar para não sentir um grande impacto.

Se você já criou uma rotina trabalhando em casa, tente reagendar os compromissos que são importantes para você e para a sua família. Uma boa dica é acordar sempre no mesmo horário, seja para trabalhar remoto ou do escritório, mantendo seu corpo no mesmo ritmo sempre.

Mantenha a rotina do escritório em casa

Para não sofrer com as mudanças bruscas do trabalho híbrido em cada ambiente, tente manter a mesma rotina de atividades para todos os espaços. Mesmo quando estiver trabalhando em home office, mantenha o hábito de acordar mais cedo, tomar banho e trocar de roupa. Deixe também um tempo confortável para tomar café da manhã e organizar o seu dia.

Tenha hábitos saudáveis

Essa é uma boa prática que vale para todos os formatos de trabalho: garanta uma alimentação regularmente saudável, com comidas leves e uma dieta de acordo com a sua rotina. A prática de exercícios físicos também faz uma grande diferença não apenas para o bem-estar corporal, mas da mente e do humor ao longo do tempo.

Nos dias de ir para o escritório, é uma boa ideia levar a própria comida para manter sua alimentação sempre balanceada e com os alimentos que já está acostumado – evitando desconfortos enquanto está longe de casa. Certifique-se também de que sua estrutura de trabalho é adequada para as tarefas, considerando a altura da mesa, o conforto e ergonomia da cadeira e a distância até as ferramentas que utiliza com mais frequência.

Leia também:
3 tendências para os ambientes de trabalho
5 tipos de mesa de escritório para seu home office
10 dicas para criar uma Sala de descanso no escritório


O trabalho híbrido é uma ótima oportunidade de investir ainda mais em você e na sua carreira! Aproveite intervalos no home office para aprimorar suas habilidades, realizar cursos e fazer autoavaliações de desempenho. Seja para o escritório externo ou para trabalhar de casa, encontre as ferramentas que você precisa na Tok&Stok. 

Sale Tok Stok

Foto divulgação Tok&Stok. Os produtos aqui expostos estão sujeitos a disponibilidade de estoque no portfólio atual.