Saiba quais peças de roupa de cama usar para uma verdadeira experiência de conforto e descanso


Está sem tempo para ler? Experimente ouvir a narração desse artigo. Aperte o play!

Nada como estar na nossa própria cama, certo? O toque macio do cobertor, o equilíbrio ideal do colchão e o cheiro do nosso amaciante representam o conforto do nosso lar. Ao mesmo tempo, a experiência que uma boa cama de hotel proporciona pode ser inesquecível.

Para aliar os dois mundos e montar uma cama de hotel com sua essência, é importante ter as peças certas. Veja como criar a cama dos sonhos com nosso guia rápido e tire suas dúvidas na hora de escolher cada camada de aconchego.

1. Como escolher os lençóis para sua cama de hotel

Um bom conjunto de lençóis é o primeiro passo na escolha da roupa de cama. Antes de tudo, tenha em mente o tamanho dela – se é de solteiro, casal comum, queen size ou king size

Para uma cama de casal queen size por exemplo, a altura do colchão tem 30cm, tamanho que seu lençol precisa acompanhar para ficar bem lisinho sobre ele. Veja se o lençol tem elástico em todo seu entorno, para ficar mais encaixado.

Já o lençol de cima, usado para decorar mas também para se cobrir nos dias menos frios, precisa ter um tamanho maior para “sobrar” no colchão por todos os lados. Na cabeceira, deixe o suficiente para ter uma dobra que adorna a cama.

2. Duvet: O que é e como usar

Também conhecido como capa de edredom, o Duvet é uma cobertura de tecido que envolve e protege a peça mais grossa e pode fazer parte da sua roupa de cama. Você pode retirá-lo sempre que necessário para limpeza e alteração da decoração do quarto. Além disso, sua leveza em comparação ao edredom torna essa peça prática, ajudando na economia de espaço no armário e na manutenção do próprio edredom.

Sua praticidade também influencia na decoração, já que ele cobre o edredom. Se ele tiver estampas, pode ser uma alternativa para um edredom liso, de cores neutras como branco e preto – e vice-versa. 

3. Cama de hotel: Fronhas dos sonhos

Uma boa fronha pode impactar até mesmo na qualidade do seu sono, bem como o próprio travesseiro. Um toque macio pode fazer a diferença ao dormir, além de decorar a cama com charme e delicadeza. Na hora de escolher, vale observar o número de fios, que podem variar de 150 a 1.000 em média – e quanto maior esse número, mais macio é o tecido. Esse acabamento torna a fronha mais aveludada e também mais resistente.

Considere também tecidos específicos para quem tem alergias. As peças 100% algodão são as mais indicadas nesse caso, além de serem fáceis de passar. Já as peças de percal, que misturam poliéster e algodão, podem irritar a pele de algumas pessoas. Mas se a intenção é ter uma cama de hotel, a fronha de algodão egípcio é ideal para sentir uma dose extra de maciez.

4. Toque de personalidade com a colcha

A colcha, também chamada de cobre-leito na cama de hotel, reforça o toque de decoração e conforto na cama. Além de proteger a cama e suas peças, a colcha também ajuda a aquecer a cama durante o sono e torna o quarto ainda mais aconchegante.

Entre os materiais, mais uma vez o algodão é o queridinho por ser natural, confortável e versátil. As opções em microfibra são resistentes e práticas, também sendo indicadas para os alérgicos. Outra vantagem é que ela aquece na medida certa enquanto decora bem a cama. No caso de camas-box, a peça pode envelopar o colchão e atuar como segundo lençol.

Se quiser uma cama majestosa, deixe a colcha com caimento até o chão – que é a forma mais comum de usar a peça. Com isso em mente, é ideal que o tecido da colcha seja mais leve para que fique mais harmonioso e delicado sobre a cama. Para o visual de cama de hotel, deixe a peça dobrada no pé do colchão.

5. O cobertor ideal

Adicionar um cobertor sobre sua sonhada cama de hotel traz calor, textura, cor e padrão para ela. Para cada perfil, um tipo de material pode ser mais adequado, considerando estilo, durabilidade e necessidades.

Para quem sente muito calor, vale investir em peças de algodão; o material natural é indicado para climas úmidos, já que tem boa capacidade de absorver a umidade. Além disso, é resistente e durável. Outra opção para esse perfil é a microfibra. Em geral, quanto mais grosso é o edredom, mais quente ele será.

Se você é alérgico, evite peças muito felpudas, que tendem a juntar poeira e pelos. É o caso de edredons para bebês e crianças, que não podem ser muito espessos e também precisam ser higienizados com frequência.


Uma cama de hotel está sempre convidativa para se deitar com conforto, mas geralmente são visualmente frias. Em casa, temos inúmeras possibilidades de personalização e o toque de cada um pode torná-la ainda mais aconchegante. Leve autenticidade para sua cama e faça das noites de sono grandes experiências de conforto com as dicas #TokEmCasa.

Sale Tok Stok

Foto divulgação Tok&Stok. Os produtos aqui expostos estão sujeitos a disponibilidade de estoque no portfólio atual.